Terça-Feira, 24 de abril de 2018


PUBLICIDADE




Pirapemas

Defesa Civil e Corpo de Bombeiros vistoriam áreas ribeirinhas em Pirapemas sujeitas a alagamentos

A visita foi realizada na última quarta-feira (11).


Blog Centro Sul Maranhense / Flávio Costa

13/04/2018 09h17 - Atualizado em 13/04/2018 10h07


COMDEC e Corpo de Bombeiros realizam vistorias em áreas sujeitas a alamentos

A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil – COMDEC -Pirapemas, tem se reunido constantemente para atualizar dados, de forma a prevenir todas as comunidades ribeirinhas do rio Itapecuru e seus afluentes sobre o risco enchente no ano em curso.

Caso haja Execução do Alerta e posteriormente a Execução do Alarmetodos os moradores atingidos serão comunicados para deixar suas residências e serão levados para abrigos (escolas, igrejas, sedes de associações ou barracas montadas em locais mais elevados preparados para a acomodação, conforme o Plano de Contingência.

Na última quarta-feira(12), os membros da COMDEC, Rogério Luiz, Tatiane Sampaio e Flávio Costa acompanhados dos secretários, Carlos Henrique(Sedrap), Carlos Nascimento(Infraestrutura), Antônio Pedalar(Chefe de Governo) e pelo tenente Maluf  e  soldado W. Reis, ambos do  Corpo de Bombeiros da 3ª Companhia em Itapecuru estiveram visitando o nível das águas nas passagens sobre o rio Itapecuru no Bairro Provisória e no povoado Bagaceira onde detectaram in loco toda a situação nível do rio, que segundo dados climatológicos do NUGEO(Núcleo de Geoprocessamento - da Universidade Estadual do Maranhão) mostram chuvas intensas na região da bacia do Itapecuru.

Posteriormente a estas visitas o Comdec se reuniu na sede da Sedrap com o Executivo e a presença de vários secretários, assessores e representantes das policias militar e civil com vistas a traçarem metas e aperfeiçoar o plano de contingência e fazer visitas a outras localidades com possibilidades de alagamentos e ficou decidido que equipes farão também visitas de inspeção a locais de abrigos, tornando-os aptos para receber os desabrigados, caso as chuvas se intensifiquem.

Todas as autoridades municipais e as comunidades ribeirinhas se encontram preocupadas com tal situação e o temor tem suas razões porque se baseiam em dados técnicos e observações  do dia a dia. Segundo informações de moradores do povoado Bagaceira onde a equipe esteve visitando, relatam que só nas últimas 24 h o nível do rio Itapecuru subiu quase 100 cm, e que em alguns locais com mais um aumento de 200  a 300 cm as águas já transbordarão, alcançando a parte  plana e com possibilidade de alagamento de casas e terrenos produtivos

Com essa visita e atualização dos dados, a equipe poderá emitir parecer técnico para dá suporte a uma possível decretação de Situação de Emergência pelo poder Executivo Municipal, podendo a partir daí, as famílias atingidas terem todo o apoio necessário.



Acompanhe o Pirapemas.com também pelo Twitter™ e pelo Facebook
Informações, imagens, vídeos, sugestões, denúncias podem ser enviados no nosso WhatsApp: (98) 98179-7981 ou através do e-mail: contato@pirapemas.com





PUBLICIDADE


COMENTÁRIO